{Resenha} O Erro

quarta-feira, 7 de junho de 2017

O Erro
Sinopse

"Logan parece viver uma vida de sonhos. Com um talento incrível para jogar hóquei e um charme inato para conquistar mulheres, ele é uma das maiores estrelas da universidade de Briar. Mas por trás do característico sorriso maroto, ele esconde duas grandes angústias – a primeira, estar apaixonado pela namorada de seu melhor amigo. A segunda, saber que sua vida, após a formatura, se tornará um beco sem saída. Um dia, por acaso, ele conhece Grace, uma garota tão encantadora quanto intrigante. Tudo nela parece ser original e deliciosamente contraditório – tímida, mas ao mesmo tempo vibrante. Doce, mas ao mesmo tempo forte e confiante. A cada encontro, Logan se vê mais e mais envolvido. Mas um grande erro colocará o relacionamento desses dois jovens em risco. Agora, Logan terá que se esforçar para reconquistar Grace – nem que para isso ele precise amadurecer e encarar de frente as suas questões mais profundas e doloridas."
O Que Achei

Existem aqueles livros que você lê em poucos dias, ou outros que se estendem por 1 ou 2 semanas. Mas existe um tipo especial que faz você engolir suas páginas em poucas horas – desdenhando completamente das responsabilidades da vida, e das consequências desta escolha –, pois você não consegue parar de ler. O Erro faz parte deste último grupo.

Grace Ivers é uma boa garota. Caloura na faculdade, ela é cautelosa, responsável, sensata... e virgem. Grace não é o tipo de menina que atrai um segundo olhar, e não faz nada sobre isso. Mesmo quando ela daria qualquer coisa para ser notada por um certo alguém, uma das estrelas da equipe de hóquei da Briar. Mas boas garotas como Grace não fazem parte da infindável lista de ‘marias-patins’ de John Logan. Sua busca implacável por jogadas fáceis, cujo nomes nem faz questão de lembrar depois, presume-se ser o único tipo de "relação" em que ele está interessado atualmente.
Logan anseia o tipo de intimidade e vínculo emocional que seu melhor amigo e companheiro de equipe, Garrett Graham, encontrou em sua vida, ao ponto de convencer-se estar apaixonado pela namorada do melhor amigo. A óbvia – e improvável – atração que surge entre Logan e Grace é inegável, e conduzirá o leitor por uma trama cômica e sexy.
"Ainda não consegui decifrar essa garota. É doce, mas não parece ingênua. Transmite inocência, mas também é supersegura de si."
Elle Kennedy já uma de minhas autoras do gênero ‘new adult’ favorita. Ela, mais uma vez, nos convida a entrar na vida de um jovem casal, acompanhar os impasses do relacionamento, e os assuntos pertinentes dessa idade: faculdade, sonhos, medo do futuro desconhecido, os laços familiares e o peso que trazem. Além de toda uma gama de acontecimentos realísticos, envoltos numa dinâmica leve e divertida.
"Pare. Agora.A voz é da minha consciência, tentando me impedir de cometer um grave erro. Então, por que não a ouço? Por que não consigo...?"
O Erro
Graças uma narrativa extremamente fluída e realista, a história deixa aquela clássica entonação clichê para se estabelecer com um romance sensual divertido, com diálogos inteligentes, e importantes reflexões. Temas como virgindade, vulnerabilidade, alcoolismo e futuro profissional são refletidos em uma ótica pragmática, espelhados na vida de um casal bastante carismático. Recomendadíssimo!
"Eu não quero mais ninguém. Tudo que eu quero é outra chance."
Nota
Sentimento
Notacórnio
Val

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário