{Resenha} Mil Pedaços de Você

quarta-feira, 15 de março de 2017

Mil Pedaços de Você

Sinopse
"Marguerite Caine cresceu cercada por teorias científicas revolucionárias graças aos pais, dois físicos brilhantes. Mas nada chega aos pés da mais recente invenção de sua mãe — um aparelho chamado Firebird, que permite que as pessoas alcancem dimensões paralelas. Quando o pai de Marguerite é assassinado, todas as evidências apontam para a mesma pessoa: Paul, o brilhante e enigmático pupilo dos professores. Antes de ser preso, ele escapa para outra realidade, fechando o ciclo do que parece ser o crime perfeito. Paul, no entanto, não considerou um fator fundamental: Marguerite. A filha do renomado cientista Henry Caine não sabe se é capaz de matar, mas, para vingar a morte de seu pai, está disposta a descobrir. Com a ajuda de outro estudante de física, a garota persegue o suspeito por várias dimensões. Em cada novo mundo, Marguerite encontra outra versão de Paul e, a cada novo encontro, suas certezas sobre a culpa dele diminuem. Será que as mesmas dúvidas entre eles estão destinadas a surgirem, de novo e de novo, em todas as vidas dos dois? Em meio a tantas existências drasticamente diferentes — uma grã-duquesa na Rússia czarista, uma órfã baladeira numa Londres futurista, uma refugiada em uma estação no meio do oceano —, Marguerite se questiona: entre todas as infinitas possibilidades do universo, o amor pode ser aquilo que perdura?"
O Que Achei
O livro conta a história de Marguerite, uma jovem de 17 anos, cujos pais são cientistas famosos. A premissa gira em torno da descoberta de infinitas dimensões que constituem o nosso universo. Baseadas em cada escolha, temos infinitas possibilidades, versões distintas de nós mesmos que compõem essas incontáveis dimensões. Elas, portanto, retratam um mesmo mundo, mas com caminhos individuais distintos. A mãe de Marguerite é a responsável pela invenção do século: o Firebird. Um mecanismo que permite o deslocamento entre as dimensões.

A construção do enredo é intrigante e única. O pai de Marguerite foi assassinado, e o principal acusado é Paul Markov, pupilo e amigo da família, que fugiu levando o último Firebird. Marguerite quer vingança e, para isso, viajará entre as dimensões ao lado do amigo Theo em busca do assassino.

Mil Pedaços de Você

Reviravoltas e descobertas conduzem o leitor, através de cenários impressionantes, a uma jornada, que apresenta entre tantos outros atributos positivos, o amadurecimento da protagonista. Regida pela força e determinação, Meg me impressionou por sua capacidade dedutiva entre o que parece certo e o que realmente é.
"E odeio como eles me olham, admirando, mas ao mesmo tempo me avaliando; a mesma avaliação severa e gananciosa que fariam com um carro esporte." - Marguerite
Com uma brilhante narrativa em primeira pessoa, Claudia Gray apresenta uma história surpreendente, através de uma escrita cativante e envolvente. Arrolados a uma trama política, conduzida por cientistas, encontramos personagens intrigantes, tornando o leitor cativo de seus mistérios. Gray ainda nos dá a descrição de um romance intenso, canalizado por dúvidas que se avolumam enquanto somos atraídos por trechos fascinantes.
"Matemática ou destino? Qualquer que seja a força que continua nos colocando em um mundo atrás do outro, é poderosa. Inegável. Mas ainda não sei se essa força será minha salvação ou minha destruição." - Marguerite
Os termos físicos e tecnológicos poderiam ser um empecilho para o entendimento claro, mas isso não acontece, graças aos traços leves e instigantes da autora através dos parágrafos.

Aventura, mistério, relações familiares e uma história de amor enigmática são os traços que marcam Mil Pedaços de Você. Leitura altamente recomendada!

Nota
Sentimento
Notacórnio

Val

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário